Início DESPORTO Mambas só vão treinar no “Yaoundé” em Camarões, devido a data dos...

Mambas só vão treinar no “Yaoundé” em Camarões, devido a data dos jogos

COMPARTILHE

O aperto da data-FIFA, que é de 23 a 31 de Março, não vai facilitar a preparação da Selecção Nacional de futebol para a dupla jornada contra os Camarões, referente ao Grupo “F” de qualificação para a fase final do Campeonato Africano das Nações (CAN) que se disputará próximo ano.

Atílio  Huo

O seleccionador nacional lamenta que a data-FIFA seja de uma semana (23 a 31 de Março) e com dois jogos, enquanto Moçambique tem jogadores que fazem enormes distâncias para juntarem-se ao grupo.

Por mais que os jogadores quisessem, não tenho como treinar aqui antes do jogo. O máximo que podemos fazer é começar a treinar no dia 24 de Março (terça-feira) nos Camarões”.

A Confederação Africana de Futebol ainda não marcou as datas da dupla jornada, mas o treinador trabalha a pensar que em princípio será nos dias 26 (quinta-feira) e 31 (terça).

EQUIPA TÉCNICA TEM OBSERVADO CAMARÕES E ALERTA:

“Temos que estar atentos às suas transições defensivas”

O técnico afirmou que os Leões Indomáveis são uma equipa que “gosta de ter posse de bola, jogam na certa e bastante pressionantes”. São ainda fortes na transição defensiva e no contra ataque, o que vai exigir de nós maior atenção.

Contudo, como acontece com muitos, há pontos não muito fortes que podemos explorar, sobretudo quando perdem a bola.

O selecionador referiu que “Não quero me alongar tanto, porque mais do que eles jogam, o importante é como nós jogamos”. No entanto, perante insistência, voltou a abordar esse assunto afirmando que contra o Ruanda fora jogaram primeiro num 4-3-3, mas que foi transformando num 4-4-2. Ou seja, há dois dispositivos tácticos a considerar.

“Temos que estar preparados para a eventualidade deles alterarem, mas o importante é o nosso modelo de jogo. Retenho que o mais importante não é como o adversário joga, mas como nos jogamos, admite”.

No jogo de Yaoundé, Luís Gonçalves admite que “será preciso maior coesão defensiva e tranquilidade”. O treinador diz que, neste momento, está a fazer um trabalho aturado de estudo do adversário. Temos tido várias reuniões técnicas para o efeito. Analisamos o seu jogo pensando em como contrariar os seus pontos fortes e rentabiliza-los a nosso favor.

Três alemães na calha para Seleção Nacional

O seleccionador nacional admite convocar, logo que as condições estiverem criadas, três atletas filhos de moçambicanos que se encontram a jogar na Alemanha.

Neste momento, o trabalho que estamos a fazer é de acompanhamento do nível dos nossos jogadores e igualmente estamos a trabalhar com os que costumo chamar de segunda geração, que são filhos de pai ou mãe moçambicanos. Temos um grupo de três na Alemanha que pode ser mais-valia. Espero logo que as condições estiverem criadas contar com eles, deseja.

Entretanto, Luís Gonçalves declinou avançar com os nomes dos três alemães, muito menos as suas posições, alegadamente porque, “mesmo reconhecendo que serão uma mais-valia, estou satisfeito com os que têm sido opção e não gostaria de criar mau estar neste momento”, justificou.

Lembrar que, Moçambique lidera o grupo F com 4 pontos, em igualdade com os Camarões. Seguem-se Cabo Verde com 2 e Ruanda 0.

Nas duas primeiras jornadas, os Mambas venceram Ruanda (2-0) e empataram com Cabo Verde (2-2)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here